Image default
Open Source

Red Hat disponibiliza versão beta do RHEL 6.8

Em 15 de março deste ano, a Red Hat anunciou a disponibilidade para o teste da versão beta de seu novo sistema operacional do pinguim, o Red Hat Enterprise Linux (RHEL) 6.8 para servidores e desktops.

O Red Hat Enterprise Linux 6 tem estado em desenvolvimento há aproximadamente seis anos, durante os quais a empresa tem disponibilizado regularmente versões de manutenção e atualizações de segurança, mantendo o aclamado sistema operacional confiável e estável que é utilizado em organizações, empresas, e pequenas ou médias empresas.

Esta versão beta do RHEL 6.8 inclui uma quantidade significativa de novos recursos, dentre os quais citamos a substituição da implementação do IPsec do Openswan para o IPsec do projeto Libreswan, que proporciona aos usuários um dos endpoints de VPN mais utilizados, bem como a adição do Relax-and-Recover, uma ferramenta de recuperação de desastre para proporcionar uma administração simplificada do sistema.

Após quase seis anos de seu ciclo de vida, o Red Hat Enterprise Linux 6 fornece uma base estável, comprovada, e previsível para as organizações que procuram construir e implantar grandes e complexos projetos de TI de forma confiante”, informou a Red Hat no anúncio. “

“Quase seis anos depois de seu ciclo de vida, o Red Hat Enterprise Linux 6 fornece uma base estável, comprovada, e previsível para organizações que procuram construir e implantar grandes/complexos projetos de TI com confiança”, disse Red Hat no anúncio. “A versão beta do Red Hat Enterprise Linux 6.8 inclui uma série de recursos novos e atualizados para ajudar organizações a preservar os investimentos em infra-estrutura existente.”

Melhor compatibilidade com servidores Active Directory e de gerenciamento de identidade

Além de estar disponível para seus clientes através de uma assinatura RHEL ativa, o Red Hat Enterprise Linux 6.8 Beta também implementa uma nova funcionalidade para o gerenciador de pacotes YUM, o que simplifica o processo de adicionar os pacotes, bem como a forma como os pacotes necessários estão localizados em canais não oficiais da Red Hat Enterprise Network durante a adição ou habilitação de novos recursos.

Por último, mas não menos importante, a interoperabilidade entre o gerenciamento de identidade e os servidores do Active Directory foi muito melhorada graças à implementação de novos recursos para SSSD (System Security Services Daemon), o código do cliente para o Gerenciamento de Identidade. Uma imagem base atualizada do Red Hat Enterprise Linux 6.8 está disponível para todos os clientes que desejam migrar suas cargas de trabalho (Workload) tradicionais em contêineres de aplicações.

Fonte:

http://news.softpedia.com/news/red-hat-enterprise-linux-6-8-now-in-beta-libreswan-replaces-openswan-501767.shtml

Posts similares

Instalando o Microsoft SQL Server no Linux

O Analista

Fundação Linux lança programa de medalhas focado em segurança

O Analista

Kernel do Red Hat Enterprise Linux 5 e CentOS 5 recebe importante atualização

O Analista